ano novo chinês

Um ano de encontros de comunidades com Há Manhãs

O projeto Há Manhãs, encontros de comunidades à volta da gastronomia e criatividade, fechou o seu ciclo anual de eventos com o Há Manhãs no Feminino, no passado dia 26 de novembro. Este encontro procurou assinalar o Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra a Mulher em colaboração com a FEMAFRO – Associação de Mulheres Negras, Africanas e Afrodescendentes em Portugal. Foram catorze as mulheres que se reuniram, de nacionalidades tão diferentes quanto Alemanha, Angola, Brasil, Cabo Verde, França, Itália, Moçambique e Portugal, para partilhar comida e ideias, num convívio e workshop especialmente marcados pela sororidade.

O Há Manhãs no Feminino foi também o culminar de uma programação de 11 encontros de comunidades, que envolveram mais de 300 pessoas, de 32 nacionalidades diferentes: Alemanha, Afeganistão, Angola, Bangladesh, Bélgica, Brasil, Croácia, Cabo Verde, Canadá, Chile, China, Colômbia, Dinamarca, Espanha, EUA, França, Itália, Índia, Iraque, Macau, Moçambique, Nepal, Nigéria, Paquistão, Polónia, Portugal, Reino Unido, Roménia, Rússia, Sri Lanka, Suécia e Ucrânia. Entre fevereiro e novembro, reunimos comunidades para celebrar o ano novo chinês, a Páscoa ortodoxa, assinalar o final do Ramadão, para celebrar o Tihar, conhecido festival hindu, entre outros.

encontros de mulheres

 

Este projeto pretende contribuir para três ODS- Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável fulcrais: 5- Igualdade de Género, 10- Reduzir as Desigualdades e 17- Parcerias para a Implementação dos Objetivos. Sabe mais sobre o Há Manhãs aqui.

Projeto co-financiado pelo FAMI – Fundo Asilo, Migrações e Integração e pelo Orçamento do Estado Português.

 

a

Magazine made for you.

Featured:

No posts were found for provided query parameters.

Elsewhere: